• Case Braskem

    Case Braskem

    Otimização do Transporte Marítmo dos Navios da Braskem

    Humberto Braga - Coordenação de Planejamento - Unidade Vinílicos

Otimização de Transporte Marítmo

Sobre a empresa

A Braskem foi formada em 2002, oriunda da integração dos ativos petroquímicos dos grupos Odebrecht, Mariani e Copene Petroquímica do Nordeste. Passou a ser a primeira petroquímica integrada do país, ou seja, combinando operações da primeira e da segunda geração da cadeia produtiva do plástico.

É uma das principais produtoras brasileiras de resinas, tais como polietileno, polipropileno e PVC, as quais são essenciais na produção de plásticos. Produz mais de 6 milhões de toneladas de resinas termoplásticas e outros produtos petroquímicos intermediários químicos.

Possui 14 plantas industriais espalhadas nos estados de Alagoas, Bahia, São Paulo e Rio Grande do Sul. Conta com mais de 4000 colaboradores, sendo a empresa líder no mercado latino-americano de resinas plásticas.

Motivação e objetivo do projeto

Nosso setor de supply chain realizava a programação de nosso transporte marítimos em planilha MSExcel. A programação era feita de forma intuitiva, buscando sempre atender bem a demanda. O desenvolvimento da programação é uma operação complexa, pois envolve diversas variáveis de decisão (quantidades transportadas, terminais a serem atendidos) como também variáveis dinâmicas que podiam ser alteradas ao longo do tempo (nível de estoque, estoques de terceiros, etc).

Assim, necessitavámos de uma ferramenta que otimizasse a programação marítima dos navios, minimizando o custo unitário e garantindo o alto nível de serviço.

Escopo do projeto

O projeto de otimização contemplava desde a saída da produção de EDC (Dicloroetano) e Soda em Camaçari e sua distribuição para outros terminais que possuíam uma demanda conhecida.

Neste projeto, foram contemplados os terminais de Maceió (PE), Aratú(BA), Vila Velha (ES), Rio de Janeiro (RJ), São Paulo (SP) e Imbituba (SC). A distribuição de produtos é realizada por 4 navios cargueiros com cerca de 12000 mt de capacidade.

Para cada terminal, foram contemplados os seguintes parâmetros:

  • Tempos: demurrage e de operação;
  • Custos fixos e variáveis;
  • Capacidade máxima;
  • Estoque mínimo;
  • Vendas;
  • Estoque de terceiros.

Para cada navio foram modeladas as seguintes características:

  • Capacidade;
  • Hire (aluguel diário);
  • Custo navegando;
  • Custo parado;
  • Períodos de indisponibilidade;

Além disso, para cada terminal, foram consideradas as vendas (saídas de produtos) que variam diariamente e os estoques de terceiros (produtos vendidos que permaneciam no terminal).

Modelo e Resultados de Simulação

Algoritmo de otimização

A equipe de projeto - formada por consultores da Belge e funcionários da Braskem - desenvolveu o algoritmo que minimizava os custos de transportes dos navios. Em linhas gerais, a cada chegada de navios em Maceió, o modelo verificava 2197 combinações de viagens para três navios, levando em consideração: os terminais que precisavam ser atendidos, o nível de estoque nos terminais, as quantidades transportadas e as próximas chegadas de navio em Maceió.

Para cada uma destas combinações, primeiramente eram descartadas rotas que não atendiam a demanda ou que não transportavam quantidades suficientes para não parar a produção na planta. Por fim, eram calculados os custos (totais e unitários) e, então, era escolhida a rota de menor custo unitário. Para um período de 60 dias, ocorrem cerca de 20 viagens, assim, o sistema considera mais de 40.000 possibilidades de viagens em cada otimização.

Resultados e Ganhos

Ao concluir a otimização, o modelo exporta relatórios em MSEXCEL que foram customizados de acordo com as necessidades da Braskem, tais como:

  • Variação do estoque em cada terminal;
  • Quantidades transportadas e custos totais;
  • Programação marítima;
  • Programação por navio.

Nos primeiros testes realizados com o sistema, o otimizador gerou programações com custo 10% menores do que as programações feitas sem o otimizador. Isso gera uma economia expressiva da ordem de milhões/ano. Com esse sistema, a Braskem passou a possuir uma poderosa ferramenta operacional para otimização da programação de seus navios, com redução dos custos e a garantia do pleno atendimento da demanda. Em poucos minutos o otimizador gera a programação dos próximos meses de transporte naval.